Menu
Atualizado em 08/11/2018 às 20h59

Facebook reconhece que falhou em impedir violência contra rohingya

Os ataques contra a minoria muçulmana rohingya em Mianmar ocorreram, em parte, porque o Facebook não tomou as medidas necessárias para impedir a disseminação de notícias falsas e de conteúdo de ódio, diz um novo relatório encomendado pela própria companhia. Leia mais (11/08/2018 - 21h14)
[ Ler matéria completa ]
Autor/Fonte: Folha UOL

Mundo

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS