Menu
Atualizado em 25/05/2016 às 12h41

Kärcher permite a recuperação de até 90% da água consumida, ainda que esteja suja com graxa e óleo

São Paulo, 24 de maio de 2016 – No dia 05 de junho é celebrado, mundialmente, o Dia do Meio Ambiente. A data foi estabilidade na Conferência de Estocolmo, que tem como objetivo principal chamar atenção da população para a importância da preservação dos recursos naturais do planeta. Para a Kärcher, proteção ambiental é uma prioridade essencial, por isso suas soluções em limpeza são desenvolvidas para reduzir ao mínimo os impactos ambientais.

Dentro dos diversos problemas que afetam o meio ambiente, como o descarte inadequado de lixo, desmatamento, uso de combustíveis fósseis, podemos destacar o desperdício da água, algo que tem afetado diretamente a população, principalmente da região sul e sudeste do país, que vem sofrendo constantemente com crises hídricas.

Criadora do conceito da lavadora de alta pressão, que garante redução de até 80% no consumo de água, se substituído pelo uso da mangueira comum, a Kärcher procura também oferecer soluções que ajudem empresas a diminuir o consumo e evitar o desperdício, como um sistema de reciclagem que permite a recuperação de até 90% da água consumida, ainda que esteja suja com graxa e óleo, por exemplo.

“O equipamento é compacto, facilitando instalação, e trata efluentes industriais e de lavagem, inclusive os impregnados com graxas, fuligens e óleos, com baixo custo operacional. É totalmente automatizado e opera dentro dos parâmetros exigidos pelos órgãos responsáveis e atende a todas as normas ambientais”, explica Rafael Ferrari, gerente de marketing da Kärcher.

Se pensarmos um lava-rápido profissional que utilize lavadoras de alta pressão, o gasto para a limpeza de cada carro é de cerca de 300 litros. Se o local atender 60 veículos por dia, o gasto será de 18 mil litros por dia. Com o sistema de reciclagem, ele passaria a gastar apenas dois mil litros por dia. Os 16 mil litros economizados diariamente no lava-rápido podem atender as necessidades diárias de 150 pessoas durante um mês.

Para uso doméstico, a empresa desenvolveu também um reservatório para acompanhar a lavadora de alta pressão. Dessa forma, o usuário pode recolher a água que seria descartada da máquina de lavar roupas, ou até mesmo da chuva e utilizar na limpeza do quintal, áreas externas, lavagem do carro, entre outras coisas. O uso da lavadora de alta pressão, além de reduzir o consumo de água, tem baixíssimo gasto de energia elétrica, respondendo por apenas 1% da conta final mensal, enquanto um chuveiro elétrico consome 33%.

Sobre a Kärcher
Fundada na Alemanha, em 1935, a Kärcher é líder mundial em soluções de limpeza doméstica e profissional. A empresa criou o conceito de lavadora de alta pressão e conta com variado portfólio de produtos, que inclui limpadoras a vapor, varredeiras, aspiradores, lavadoras e secadoras de pisos, além de uma linha própria de agentes de limpeza. A companhia atua no mercado brasileiro há 40 anos e inaugurou em 2014 uma nova unidade em Vinhedo (SP), com maior capacidade produtiva.

O Grupo Kärcher emprega globalmente mais de 11 mil pessoas, em 60 países. Em 2015, a empresa alcançou o maior volume de negócios de sua história, com faturamento superior a 2 bilhões de euros, e a maior venda de unidades de produtos, mais de 12 milhões de máquinas. Mais informações: www.karcher.com.br.

Autro/Fonte: Da redação

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS