Menu
Atualizado em 11/10/2018 às 09h40

Lombadas eletrônicas são desligadas e estradas têm reforço de segurança durante feriadão no Grande Recife

Desligamento começa às 12h desta quinta (11) e vai até as 5h da terça (16). Lombada eletrônica no quilômetro 6,2 da BR-232, no Recife, será desligada no fim de ano Reprodução/Google Street View As lombadas eletrônicas das principais rodovias do estado são desligadas durante o feriadão do Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, celebrado na sexta-feira (12), quando também é comemorado o Dia das Crianças. Ao total, são desativados oito equipamentos na BR-232, PE-035 e PE-60. A medida tem início a partir das 12h desta quinta-feira (11) e se encerra apenas às 5h da terça-feira (16), contemplando também o Dia do Professor e do Comerciário, comemorados na segunda-feira (15). Confira o que abre e fecha no Grande Recife durante o feriado O objetivo é melhorar o fluxo nas estradas para quem for viajar. Segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), o trânsito nesses locais deve aumentar em torno de 40% no fluxo de veículos, comparado aos dias normais. Apenas em direção às prais do Litoral Sul, a previsão é de que cerca de 130 mil veículos trafeguem nas vias, segundo as Concessionárias Rota do Atlântico e Rota dos Coqueiros. Confira as lombadas que são desligadas durante o feriadão: BR 232, no Recife - quilômetros 6,2; 6,3; 7,4; e 7,8 BR-232, em Jaboatão dos Guararapes - quilômetro 9,2 PE-035, em Itapissuma - quilômetros 7,3 e 7,9 PE-060, em Ipojuca - quilômetro 16,63 PRF faz fiscalização na BR-101 Norte e Sul, durante o feriadão do Dia de Nossa Senhora Aparecida, sexta-feira (12) PRF/Divulgação Fiscalização Para garantir a segurança nas estradas e evitar acidentes durante o feriadão, a Polícia Rodoviária Federal realiza uma operação especial de fiscalização nas BRs 232, 101, 104, 407 e 428, que dão acesso às praias do litoral norte e ao interior do estado. Durante as abordagens, os policiais verificam a documentação pessoal do motorista e do veículo, o estado de conservação do automóvel, o farol aceso e se todos os passageiros estão usando o cinto de segurança ou dispositivo de segurança para crianças adequado à idade. A PRF realiza, ainda, ações educativas para sensibilizar motoristas e passageiros sobre o papel de cada um na construção de um trânsito seguro. Em alguns pontos são exibidos vídeos sobre comportamentos inadequados no trânsito e suas consequências. Durante a operação, a PRF conta com o apoio do Núcleo de Operações Especiais e do Grupo de Motociclistas da PRF, especializados no combate ao crime nas rodovias. A base de Operações Aéreas da PRF, que atua em parceria com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), também fica de prontidão para realizar resgates aeromédicos, se necessário, além de acompanhar a operação. Uso da cadeirinha reduz até 70% de morte e lesões em crianças em caso de acidentes; diz PRF Reprodução/RPC Crianças O uso de equipamentos de segurança para as crianças, obrigatório e específico de acordo com a idade, é um dos itens avaliados pela PRF durante a operação. Por isso, é preciso estar atento às regras de utilização. Para motocicletas, só é permitido que crianças a partir de 7 anos andem como passageiros, desde que utilizem capacete adequado ao tamanho dela e afixado corretamente. Nos carros, crianças de 0 a 1 ano, devem ser transportadas no bebê conforto, instalado de costas para a cadeira do motorista; de 1 a 4 anos é obrigatório o uso da cadeirinha; e de 4 a 7,5 anos é necessário o uso do assento de elevação. Em todos eles é necessário fixar o cinto de segurança do carro e o cinto do próprio equipamento, se houver. A partir dos 7,5 anos a criança pode ser transportada apenas com o uso do cinto de segurança, mas só a partir dos 10 anos é permitido que ela ande na cadeira do passageiro na parte da frente do carro. "O uso da cadeirinha reduz até 70% o risco de morte e de lesões na criança em casos de colisão. Eles [os pais] não devem se preocupar apenas com a multa, mas devem se preocupar com a segurança do seu filho”, afirma o assessor da PRF em Pernambuco, Cristiano Mendonça. Veja dicas de segurança: Faça uma revisão atenta no veículo antes de viajar: verifique principalmente pneus (inclusive o estepe), palhetas dos limpadores de para-brisa e itens de iluminação e sinalização Mantenha a atenção na rodovia: respeite a sinalização e os limites de velocidade Dirija sempre com os faróis ligados para que seu veículo fique mais visível aos demais condutores Não ligue o pisca alerta com o veículo em movimento: isso pode confundir os outros motoristas e causar um acidente Aumente a distância do veículo à sua frente e diminua a velocidade
[ Ler matéria completa ]
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS