Menu
Atualizado em 11/10/2018 às 09h40

Trump chama Fed de 'muito agressivo' e diz que ainda tem 'muito mais a fazer sobre a China'

Presidente dos EUA disse ainda que as pessoas na China viveram bem demais por muito tempo. Presidente dos EUA, Donald Trump, deu entrevista na Casa Branca, em Washington, nesta terça-feira (9) Evan Vucci/AP O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, renovou suas críticas ao Federal Reserve nesta quinta-feira (11), dizendo que a autoridade monetária está sendo "agressiva demais" em suas políticas e está cometendo um grande erro com taxa de juros. O Fed está "cometendo um grande erro", disse Trump em entrevista ao programa "Fox & Friends". O presidente norte-americano também afirmou que suas políticas econômicas e comerciais prejudicaram a economia da China e que ainda há muito mais que ele pode fazer. "Eu tenho muito mais o que fazer", disse Trump em entrevista ao programa da Fox News, acrescentando que as pessoas na China viveram bem demais por muito tempo. Efeito dominó derruba bolsas ao redor do planeta Na véspera, Trump disse que o Fed "enlouqueceu", em um novo ataque contra a instituição e sua política de aumento progressivo das taxas de juros. "Acho que o Fed está cometendo um erro. Acho que o Fed enlouqueceu (...). Realmente não concordo com isto", disse Trump, que habitualmente critica o Fed por sua política de aumentar gradualmente as taxas de juros.
[ Ler matéria completa ]
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS